Mais de 680 mil servidores receberam auxílio emergencial

0
208

Por O Antagonista — Mais de 680 mil servidores públicos receberam o coronavoucher, e o montante dos repasses irregulares passa dos R$ 980 milhões.

A Controladoria-Geral da União (CGU) identificou que as transferências beneficiaram 14,1 mil agentes públicos federais, 52 mil servidores militares, 950 funcionários de estatais e 613,4 mil servidores estaduais ou municipais.

“É importante ressaltar que, pela forma de operacionalização do benefício, é possível que os servidores não tenham feito solicitação para seu recebimento, mas que tenham sido incluídos como beneficiários do Auxílio Emergencial de forma automática por estarem no Cadastro Único para programas sociais ou por serem beneficiários do Programa Bolsa Família”, disse a CGU, em nota.

Segundo a pasta, os resultados do cruzamento dos dados foram encaminhados ao Ministério da Cidadania, que deve efetuar o bloqueio ou suspensão dos benefícios.

“Identificado que o beneficiário não cumpriria os requisitos previstos em Lei, o Ministério da Cidadania providencia o bloqueio de pagamento das parcelas ainda não liberadas. No entanto, caso o beneficiário não possua mais vínculo como agente público, ele pode realizar a contestação desse bloqueio”, completou a CGU.

Foto: Reprodução.

Deixe uma resposta