Justiça autoriza que hacker acusado de invadir o celular de Moro e outras autoridades deixe o presídio

0
153

Por G1 DF e TV Globo — A Vara de Execuções Penais do Distrito Federal (VEP-DF) permitiu, nesta quarta-feira (14), que o hacker Walter Delgatti Neto cumpra pena em regime aberto. Na prática, isso significa que ele poderá deixar a Penitenciária do DF I (PDF I), onde está detido desde o ano passado.

O hacker é suspeito de invadir celulares do ex-ministro da Justiça Sergio Moro e outras autoridades. No mês passado, a Justiça concedeu liberdade a ele no âmbito desse processo. Porém, Walter continuou detido porque havia sido condenado em outros duas ações e estava na fase de cumprimento da pena.

Ao G1, o advogado Ari Moreira afirmou que Walter Delgatti deve colocar tornozeleira eletrônica nesta quinta-feira (15) e seguir para Araraquara (SP), cidade onde morava.

“A defesa viu com satisfação a decisão da progressão ao regime aberto”, disse.
A determinação foi assinada pelo juiz Bruno Aielo Macacari. De acordo com o magistrado, o hacker atendeu os requisitos necessários para a progressão da pena.

Foto: Reprodução.

Deixe uma resposta